Arquivo da tag: ciências aeronauticas

Jovem que trabalhava na roça em União do Oeste (SC) agora vai pilotar avião

Paulo Wagner de Souza, estudante do curso de Ciências Aeronáuticas,

é destaque no Portal Quilombo Mais. Uma história emocionante. Confira:

Paulo Wagner de Souza. Fonte: Quilombo Mais

“Até os 20 anos de idade a rotina de Paulo era ajudar seus pais na pequena propriedade rural da família em União do Oeste, Santa Catarina, uma pacata cidade com menos de 3 mil habitantes. Lá a família plantava milho, feijão, engordavam porcos para abate e cuidavam de dez vacas leiteiras. Paulo ajudava quando não estava na escola, porque o estudo sempre foi uma cobrança de seus pais. “Não tinha muito lazer, eram todos os dias de manhã à noite, então tinha dias que o cansaço era grande pra todos”, relembra.

A irmã mais velha, Ana Paula, em busca de novos horizontes, quando ainda estava cursando o ensino médio mudou-se para Florianópolis e lá ela fez o curso de comissária. Logo a oportunidade de trabalho apareceu e ela se tornou colaboradora na TAM, ainda em 2007, dando adeus a pequena União do Oeste. “Através dela que conheci a profissão de piloto e decidi que seria isso que queria fazer”, relembra Paulo.

A irmã mudou-se para Jundiaí, cidade próxima de São Paulo, a base TAM de Ana Paula. Influenciado por ela Paulo também deixa União do Oeste para trás. “Não faltava nada, mas não era a vida que nós lhos gostaríamos de ter no futuro”, comenta. Paulo procurou a EJ, e em uma oportunidade aberta pela escola na época, foi contratado como estagiário para trabalhar nas operações terrestres. Através do estágio que ele conseguiu conquistar suas horas de voo na escola. “Não tinha condições financeiras pra pagar todos os cursos que são extremamente caros”.

Após dois anos e meio empurrando e limpando aviões, atendendo clientes e conferindo documentações, Paulo se formou piloto comercial e instrutor de voo. Para não ficarem longe dos lhos, os pais venderam a propriedade em Santa Catarina e agarraram uma oportunidade de emprego em Jundiaí. Na cidade, começaram a trabalhar como caseiros, onde o pai Adilar cuidava da chácara e a mãe Janete cuidava da casa dos patrões. “Foi uma mudança grande pra todos, mas proporcionou oportunidades muito melhores”, explica.

Para economizar, a família inteira volta a morar junto na casa dos patrões de Adilar e Janete. Paulo começa a trabalhar como instrutor na unidade Jundiaí. “Conciliava os dois trabalhos, tanto operações como instrução”, conta. Pensando no preparo para sua profissão, logo Paulo inicia o curso superior em Ciências Aeronáuticas na UNISUL, a distância. “Meus pais sempre me ajudaram financeiramente com o pouco que ganhavam porque o valor da ajuda de custo era pra pagar o valor da mensalidade da faculdade”.

Como instrutor, por três anos e meio, voou 1759,5 horas e deu aulas de simuladores por quase 100 horas. Operou todos modelos da unidade Jundiaí. “Você passar seus conhecimentos adquiridos para alguém que está iniciando sua formação é muito gratificante pois a cada voo eu me colocava no lugar do aluno”, relembra.

Paulo Wagner de Souza, hoje com 27 anos, foi contratado pela Avianca. Já concluiu o ground school do Airbus A318, 19 e 20 e está iniciando o treinamento nos simuladores de voo, antes de entrar em rota, efetivamente pilotando.

Qual é o segredo do sucesso de uma boa colheita? “Uma boa qualidade de semente, cuidar, adubar bem, e tem que torcer pra chover nos momentos certos”.

Fonte: ROBERTO LORENZON

http://quilombomais.com.br/farol/quilombomais/blog/cidadania/jovem-que-trabalhava-na-roca-em-uniao-do-oeste-(sc)-agora-vai-pilotar-aviao/12285 

 

Conheça melhor o curso de Ciências Aeronáuticas aqui.

Obstáculo é ponto de partida para realizar os sonhos

Coordenador e Egresso do Curso de Ciências Aeronáuticas a distância

Sérgio Santana e Paulo Roberto dos Santos

A limitação nunca foi um obstáculo na vida de Sergio Santana, muito pelo contrário, sempre serviu como ponto de partida para alcançar seus objetivos. E foi na Unisul, que realizou um dos seus maiores sonhos, graduar-se.

Natural de Aracaju (SE), Sergio tentou a primeira experiência universitária na década de 90, mas devido a problemas de saúde, precisou desistir do curso. Anos depois, foi aprovado no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). “Ingressei no curso de Direito em uma universidade em minha cidade, mas devido a dificuldades com a saúde que já foram sanadas fui obrigado a trancar o curso, embora com o tempo eu descobrisse que não era o que eu queria para mim. Quando passei no ENEM, o curso de Relações Internacionais da Universidade Federal de Sergipe, UFS,  a pontuação possibilitou que então eu cursasse quase todos os cursos da UFS, até mesmo Medicina. Cheguei a fazer a pré-matrícula para o curso, que sempre admirei. Mas acabei não tendo como frequentá-lo porque não encontrei um meio de transporte entre a minha casa e a universidade, que aceitasse levar a minha cadeira de rodas”, conta.

Agora, egresso em Ciências Aeronáuticas, Sérgio enfrentou muitas dificuldades até concluir a graduação. E nunca pensou em desistir, muito pelo contrário, encarou tudo de frente e galga os trilhos na carreira que escolheu e exerce com paixão.

Vencidos os empecilhos, soube da oferta do curso de Ciências Aeronáuticas pela Unisul e então providenciou toda a documentação para ingressar ainda em 2014. E estudar a distância não foi difícil, pois ao longo de sua vida acadêmica, estava habituado a este tipo de metodologia. “Eu soube do curso por acaso, como costuma acontecer com as melhores coisas da vida. Como de certa forma já estava acostumado a estudar de maneira autônoma, pois concluí o ensino médio através do supletivo, fazer um curso EaD não foi complicado. Ainda mais em um assunto pelo qual sempre tive paixão, a aviação, que desde 2005 escrevo profissionalmente sobre o tema, acumulando dezenas de textos publicados em revistas especializadas do Brasil e exterior e dois livros”, explica Sérgio.

Com a facilidade em adaptar-se à metodologia a distância da Uisul, Sérgio passou a estudar de casa e se deslocava ao polo de apoio presencial para realizar as avaliações presenciais do semestre. “Comparecia no polo nas datas de provas e sempre fui muito bem atendido, por toda a equipe, destacando a ajuda sempre presente de Renata Santana, que ajudava a empurrar a cadeira de rodas para vencer uma rampa íngreme na entrada da sala”.

Em pouco tempo de curso, surgiu a oportunidade de prestar o concurso promovido pela Academia da Força Aérea para apresentação de novas tecnologias e recebeu total apoio do coordenador de seu curso, o professor José da Silva Júnior.

Ainda na Unisul, no ano de 2016, se inscreveu no Programa de Iniciação Científica, sob a orientação do professor Camel André, na área de Segurança Pública: “entretanto, como eu terminaria o curso em fins de 2017 não haveria como continuar no programa”.

Também participou do concurso da Agência Nacional de Aviação Civil, em parceria com o professor Paulo Roberto. “O Professor Paulo deu pleno apoio à causa dedicando o seu tempo para passar pacientemente dicas valiosas, compartilhando seu vasto conhecimento comigo”, fala Sérgio.

Além dos concursos prestados, Sérgio se manteve envolvido em diversos projetos, participou de seminários em parceria com outros colegas como por exemplo, com trabalhos desenvolvidos trabalho sobre aeronaves de alerta antecipado e controle na América Latina: “também desenvolvi um trabalho a ser apresentado na Escola de Comando e Estado Maior do Exército Brasileiro. Nosso trabalho foi sobre os sistemas de enlace de dados das Forças Armadas brasileiras”.

Encerrado o ciclo da graduação, a cerimônia de formatura foi surpreendente para Sérgio e sua família, que saíram de Sergipe a Florianópolis para partilhar deste momento único: “a colação de grau foi uma experiência inesquecível, principalmente porque inicialmente eu achei que não ia poder participar, devido à distância. Mas tudo deu certo. Viajei com parte da minha família. Tudo foi realmente muito emocionante e significativo. Um fato curioso é que fui o único graduando de Ciências Aeronáuticas presente na cerimônia e pude conhecer pessoalmente meus professores Paulo Roberto e Giovani de Paula. Realmente um momento inesquecível que não apenas coroou o final de uma fase de uma trajetória, mas o passo inicial de outra fase no mesmo caminho, no qual tenho tido a sorte de contar com pessoas muito especiais”.

E agora, graduado, segue seus estudos em uma especialização também no EaD: “como sempre tive gosto pela pesquisa, continuo empenhado em descobrir novos caminhos, inclusive elaborando vários livros simultaneamente para lançamento em futuro próximo”, conclui Sérgio.

Inscrições abertas para os cursos superiores a distância

Optar por fazer uma graduação é um passo para quem tem objetivos, deseja constituir carreira e melhorar a qualidade de vida

300A inclusão da tecnologia no ramo comercial e cultural aumentou a competitividade no mercado de trabalho. Com esta demanda as instituições de ensino superior também aumentaram a oferta dos cursos adequando as grades curriculares para qualificar o profissional. Hoje são cursos de bacharelados, licenciaturas e tecnólogos que desenvolvem as competências para atender as necessidades das empresas e organizações.

Nesse contexto, a UnisulVirtual oferta cursos superiores de graduação, com conclusão a partir de 2 anos, além de possuir o maior portfólio de cursos na modalidade a distância nas mais diversas áreas de conhecimento.

Para quem tem uma rotina agitada, sem tempo de frequentar diariamente a sala de aula, a UnisulVirtual é uma ótima oportunidade, pois permite a flexibilidade de horários e disponibiliza  ao aluno uma equipe composta por professores (que são os mesmos do ensino presencial da Unisul), tutores e apoio pedagógico. Nos polos de apoio presenciais que estão presentes em todos os estados e capitais do Brasil, o aluno pode utilizar a estrutura composta por biblioteca, laboratórios e tutoria como suporte para realizar os estudos e as avaliações presenciais das disciplinas.

O processo seletivo ocorre através de análise do histórico do ensino médio. Para participar, o candidato precisa ser portador de histórico escolar com reconhecimento e certificado ou diploma de conclusão do ensino médio. Leia o edital aqui.

O curso de Ciências Aeronáuticas, por possuir as peculiaridades do curso teórico de piloto de avião e helicóptero, é oferecido através de edital próprio, mas o prazo de inscrição é o mesmo do Histórico Escolar.

As inscrições encerram no dia 08 de janeiro de 2017 e as aulas começam em 06 de março..

Clique aqui para conhecer as vantagens de estudar na UnisulVirtual e aqui, saiba mais sobre as bolsas e benefícios.

Seminário Virtual aborda Direito Aeronáutico

Seminário UnisulVirtualAdyr da Silva, ex-presidente da Infraero, e Ricardo Bisinotto Catanant, gerente de Normas e Projetos da Agência Nacional de Aviação Civil, participam de debate na próxima terça, 27/8, com transmissão ao vivo pela internet.

A UnisulVirtual realiza na próxima terça-feira, 27/8, a partir das 19h30min, o Seminário Virtual “Empresas Aéreas e Responsabilidade Civil”, com destaque aos aspectos do Direito Aeronáutico. O debate contará com dois nomes de peso da área: o Brigadeiro Adyr da Silva, presidente da Associação Brasileira de Direito Aeronáutico e Espacial e ex-presidente da Infraero, e Ricardo Bisinotto Catanant, gerente de Normas e Projetos da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Entre os assuntos em destaque, está o contexto atual do direito aeronáutico e suas interseções com os demais ramos do direito. Além disso, as transformações nos conceitos de segurança operacional, as responsabilidades, as atribuições, os agentes e o gerenciamento do sistema em nível de reguladores e operadores da aviação civil também serão debatidos. A professora Patrícia Fontanella será a mediadora do seminário.

O evento é uma realização dos cursos de Direito e Ciências Aeronáuticas da UnisulVirtual. Todas as informações e o link de acesso à transmissão estão na página do evento. Não percam, é na próxima terça, 27/8, a partir das 19h30min. Assista aqui.

Inscrições abertas para processos externos

A partir de hoje, 17/12, até o dia 31/01/13, os interessados em ingressar no ensino a distância da Unisul podem solicitar a sua vaga através de reingresso, como portadores de diploma de ensino superior, ou transferência externa, para alunos regularmente matriculados em instituições de ensino superior nacionais ou estrangeiras.

São 20 cursos superiores: cinco bacharelados, duas licenciaturas e 13 cursos superiores de tecnologia. Além do curso de bacharelado em Ciências Aeronáuticas, que possui edital próprio. Todos com a qualidade da metodologia da UnisulVirtual e flexibilidade nos horários de estudos. Os alunos selecionados iniciam as aulas no 3º período de ensino, no dia 8/04/13.  Confira aqui tudo sobre como solicitar transferência ou reingresso para a UnisulVirtual.