Professora fala das manifestações da cultura açoriana em congresso

As pesquisas das professoras Cátia Melissa Silveira Rodrigues e Helena Iracy Cerquiz Santos Neto, do curso de Comunicação Institucional da Unisul que tratam do estudo acerca da cultura popular catarinense foram levadas ao V Congresso Internacional sobre Culturas, ocorrido na Universidade da Beira Interior, dos dias 06 a 08 de novembro, com a temática “Que cultura(s) para o século XXI?”, em Portugal.

A professora Cátia Melissa Silveira Rodrigues, que neste período realiza seu doutoramento em Ciências da Comunicação, na Universidade de Coimbra, apresentou dois trabalhos, um deles em parceria com a professora doutora Helena Iracy Cerquiz Santos Neto, coordenadora do Curso de Comunicação Institucional. Ambos tratam de importantes manifestações da cultura popular em Santa Catarina, um deles que prestigia a herança açoriana no Estado, com a Festividade AÇOR (que já na 26ª edição), criada e coordenada pelo Núcleo de Estudos Açorianos de Santa Catarina (NEA/SC), sediado na UFSC. O estudo busca reconhecer a identidade e as práticas cotidianas da açorianeidade nos catarinenses, a partir da percepção dessa população de sua herança cultural.

O outro estudo é o projeto de pesquisa de iniciação científica vinculado ao curso de Comunicação Institucional, que busca trabalhar a comunicação cultural como reforço da identidade social e organizacional por meio da manifestação cultural do Boi de Mamão. Uma investigação idealizada a partir da prática docente dessas professoras, que perceberam a necessidade de compreender a gestão de comunicação existente nos diferentes grupos de Boi de Mamão presentes na Capital Catarinense, a fim de auxiliar na promoção de suas práticas culturais e sua relação com as organizações. “Percebemos que uma importante manifestação da cultura popular estava sofrendo com o avanço de grandes manifestações de cultura de massa, e que teríamos que fazer algo para tentar minimizar essa situação entendendo o que estava ocorrendo, e como poderíamos evidenciar essa belíssima brincadeira que reúne diferentes gerações”, declara a professora Cátia.

Para a coordenadora Helena, a apresentação internacional dessas pesquisas evidencia a qualidade da UnisulVirtual como um todo, que possui corpo docente comprometido não somente com o ensino, e sim com a pesquisa e a extensão. “Além disso, as pesquisas estão totalmente alinhadas ao projeto pedagógico da Comunicação Institucional, inclusive atua em consonância com os projetos de extensão do curso serão executados em 2020, com ênfase na área de cultura e de gestão da comunicação. Por isso, o aceite desses trabalhos nos enche de alegria e motiva ainda mais o corpo docente e discente para seguir em frente com a proposta do curso de Comunicação Institucional”, comemora.

Mais sobre V Congresso Internacional sobre Culturas

Este é um dos mais importantes congressos sobre cultura e foram três dias de conferências, exposições e discussões sobre as diferentes culturas presentes na sociedade, sob a análise do que há e o que se espera para esse tema tão caro no desenvolvimento da identidade dessas sociedades. Estiveram presentes representantes de Portugal, Brasil e Espanha que fizeram suas contribuições sobre formas e manifestações de cultura – erudita, de massa, popular, de identidades, – suas formas de representação e seu papel de expressão de arte (das mais variadas), e contestação de uma sociedade.